Pela Costa Vicentina

O sentido do ilimitado… 

Programa de 5 dias

 

Uma costa digna do Atlântico e imponente pela sua dimensão, fisionomia e despovoamento. Cerca de 150 quilómetros de arribas baixas e mansas ou altas e agrestes, negras de xisto ou claras de calcário, ilhotas, dunas, estuários, barrancos. Espécies de plantas únicas no mundo e uma avifauna costeira das mais ricas da Europa. Imperam as tonalidades cinza e negra de xistos e grauvaques, assumindo um tom agreste e austero nas arribas altas da Arrifana e da Torre da Aspa, ampliado pelos ventos e ondulação forte que batem a costa ocidental. Mas também há os brancos e amarelos dos afloramentos de calcários e margas, visíveis na Ponta da Carrapateira, e entre São Vicente, Sagres e Burgau, agora num ambiente mais mediterrânico em costa voltada a sul e mais abrigada do vento. Mas talvez o seu maior emblema tenha sido a águia-pesqueira (Pandion haliaetus), podendo destacar-se ainda um grande conjunto de rapinas, uma população de falcões-peregrinos (Falco peregrinus), o animal mais veloz do mundo, nos seus voos picados.

 

1 Outubro (Sexta) - Porto ou Lisboa / Tunes (Silves) / Almádena / Salema / Vila do Bispo
Em hora a indicar, comparência na Estação de Comboios de Campanhã para embarque no comboio Alfa Pendular das 05h32 com destino a Tunes, Silves, Algarve, onde chegaremos às 10h52. Ainda da parte da manhã daremos início ao nosso périplo por terras algarvias. Visita panorâmica do Forte de Almádena e Praia da Boca do Rio, lugar de achados arqueológicos romanos subaquáticos, pequena baía de esmagadora beleza e grande importância histórica. Entraremos no Parque Natural a partir do Burgau e seguiremos para a praia da Salema para almoço e passeio pelo areal, onde se encontram a céu aberto pegadas de dinossauros, marcadas nas belíssimas formações rochosas que envolvem este antigo porto de abrigo piscatório. A tarde será passada desfrutando deste lugar especial, aproveitando para um passeio opcional de barco junto à costa, em busca dos amistosos golfinhos que povoam as águas transparentes do sul. Continuação da viagem em direção a Vila do Bispo. Instalação no acolhedor B&B, onde ficaremos alojados. Jantar em restaurante local, de referência gastronómica tradicional. No final, regresso ao B&B e alojamento.

2 Outubro (Sábado) - Vila do Bispo / Aljezur / Sagres / Vila do Bispo
Pequeno almoço no hotel e partida para Aljezur, para visitar a vila fundada no século X pelos árabes que aqui permaneceram durante cinco séculos até à conquista cristã e deixaram importantes marcas tais como o castelo, a sua cisterna, a toponímia, como muitas lendas e histórias populares. O município de Aljezur inclui também as maravilhosas praias da costa ocidental do Algarve. Banhadas pelo Atlântico, oferecem muitas vezes um cenário selvagem e desértico em contraste com os areais mais quentes da costa voltada a sul. As praias de Arrifana e de Monte Clérigo, de areia fina e rodeadas de penhascos, tornam-se facilmente acessíveis pela estrada panorâmica, a partir de Aljezur. Em épocas do ano que só os pescadores conhecem, passam pelas costas de Aljezur pargos, sargos, corvinas, douradas, robalos... Esta é uma zona de eleição para a pesca. A apanha do perceve é uma saga cuja história as gentes locais vão contando… Seguindo a estrada panorâmica que acompanha as praias iremos usufruir da vista desta costa recortada, cheia de largos areais e ribeiras, que se perde de vista. Como a extensa praia da Bordeira marcada por uma linha de água que se serpenteia até ao mar e que dá de beber às aves planadoras. Um lugar inspirador, onde se sente a generosidade infinita da natureza. O almoço será na Carrapateira, com tempo para degustar especialidades, antes de prosseguir, em direcção a Sagres e Cabo de S. Vicente. Aí espera-nos um outro passeio, de jeep, que nos levará ao final da jornada, para acompanhar o pôr do sol, numa despedida da luz, agradecendo a maravilha da força da Natureza neste Cabo Sagrado do Mundo. O dia ficará completo com um jantar em Vila do Bispo, num outro restaurante de referência da gastronomia local. Regresso ao hotel e alojamento.

3 Outubro (Domingo) - Vila do Bispo / Sagres / Raposeira / Pedralva / Vila do Bispo
Pequeno almoço no hotel e saída para Sagres, para visita à Fortaleza, recentemente alvo de intervenção e recuperação. Sagres, zona de cruzamento de rotas entre o mar Mediterrâneo e o oceano Atlântico, porto de pescadores e comerciantes de várias nações, mas também, zona assolada por corsários. A imponente fortificação de Sagres é o prolongamento humano do rochedo natural e foi durante séculos a principal praça de guerra de um sistema defensivo marítimo geoestratégico. Integrando o Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina, o Promontório de Sagres apresenta uma interessante biodiversidade faunística e florística e endemismos únicos que todos os visitantes podem observar. Após a visita, partiremos em direcção à Raposeira, praia da Ingrina, seguindo parte da rota dos Menires de Vila do Bispo. As atuais paisagens do concelho de Vila do Bispo documentam um notável território pré-histórico, exemplarmente marcado por uma intensa ocupação neolítica e por uma extraordinária monumentalização megalítica. Hoje, passados seis milénios após o levantamento das primeiras pedras por pioneiras comunidades de pastores-agricultores, ainda é possível registar cerca de 250 menires ou fragmentos de menir numa área total de 42 km2, ou seja, a maior concentração de monumentos pré-históricos da Península Ibérica e uma das maiores identificadas em todo o Mundo! O almoço será servido na praia do Zavial, num restaurante com a moldura de uma das mais belas e singulares praias do concelho. De tarde, prosseguiremos com visita à Ermida de Nossa Senhora de Guadalupe (Raposeira), um lugar encantado, memória medieval numa edificação de grande valor e singular beleza. Regresso a Vila do Bispo, antes de sair para o jantar, na vizinha aldeia de Pedralva, conhecida como a Slow Village, uma povoação renascida com um conceito de turismo diferente. Regresso ao hotel.

4 Outubro (Segunda) - Vila do Bispo / Monchique / Silves / Lagos / Vila do Bispo
Pequeno almoço e saída para Monchique, 902 m acima do nível do mar, terra de mel e medronho, fontes de água pura e gastronomia típica. As termas, situadas num formoso vale da Serra de Monchique, num ambiente de vegetação luxuriante e de luminosidade incomparável, são um inesperado oásis de tranquilidade e um recanto verdadeiramente paradisíaco. No ponto mais alto da serra fica o pico da Fóia, de onde se domina uma paisagem e uma vista admiráveis.
Almoço em restaurante de referência local. A tarde contemplará uma visita à bela cidade de Silves, terra de laranjais, reis e poetas do Al- Andaluz. Destaque para o património edificado histórico, tendo em primeiro plano o Castelo de Silves, uma das mais notáveis obras de arquitetura militar que os árabes deixaram entre nós, com mais de mil anos de existência. Destaque ainda para o Poço Cisterna Almoada, séculos XII-XIII, peça central do Museu Municipal de Arqueologia de Silves. Por último, seguir um pouco ao sabor do momento, pelas belas ruas e recantos da mais importante cidade do Gharb Al-Andaluz. O jantar será livre, em Lagos, com a moldura da encantadora muralha da cidade do Infante, situada na foz do rio Arade. Despedimo-nos do dia de visitas, com o coração cheio, junto da baía que tanto inspirou Sophia: “A precisa limpidez de Lagos onde a limpeza /É uma arte poética e uma forma de honestidade”.

5 Outubro (Terça) - Vila do Bispo / Alvor / Tunes / Porto
Pequeno almoço e saída, com malas, para a pitoresca vila do Alvor. Ela está associada a Portus Hannibalis, como porto fundado pelo general cartaginês Aníbal. Em 716, no curso da Invasão Muçulmana foi conquistada pelos mouros e começou a ser referida como Albur ou Alvor. Terra de tradição marítima e piscatória, merece uma visita fora da pressão da época alta. Almoço livre por conta própria e saída em direção a Tunes, para embarque no Comboio Alfa Pendular com destino ao Porto.

 

   

 

Preços
Mínimo de 21 participantes ................................... € 860,00
Mínimo de 15 participantes ................................... € 995,00
Suplemento Individual .......................................... € 120,00

Redução para maiores de 65 anos .............................. € 45,00
Suplemento passeio de barco ..................................... € 40,00

 

Documentos Obrigatórios:
• Cartão do Cidadão ou Bilhete de Identidade (válido para a viagem).

 
O preço mencionado inclui:
- Viagem em comboio Alfa Pendular Porto ou Lisboa/Tunes (Algarve)/Porto ou Lisboa;
- Circuito em autocarro privativo de turismo com ar condicionado;
- Estadia em B&B (hotel previsto: Pure Flor de Esteva e Pure Fonte Velha, Vila do Bispo) em quartos com banho ou duche;
- Refeições de acordo com o presente programa de viagem (menu fixo);
- Visitas de acordo com o programa com entradas incluídas: Sagres | Fortaleza; Silves | Sé, Castelo e e Museu de Arqueologia; - Ermida de N. Sr.ª de Guadalupe; Passeio de Jeep na Salema;
- Acompanhante cultural durante toda a viagem;
- Taxas de turismo e serviço;
- Seguro de Assistência de Acidentes em viagem.


O preço mencionado não inclui:
- Refeições especiais e não mencionadas;
- Bagageiros;
- Entrada em museus e monumentos quando não esteja explícito a visita do interior;
- Extras de carácter pessoal e o que não esteja devidamente especificado no presente programa.

 

Alteração de Preços
Os preços constantes neste programa estão baseados nos custos dos serviços vigentes à data da impressão (6/07/2021) e para o mínimo de participantes indicado, pelo que estão sujeitos à alteração que resulte de variações no custo de transportes, de direitos, impostos, taxas de aeroporto, segurança e combustíveis, ou da diminuição do numero de participantes.

 

NOTA:
Para garantir a sua participação na viagem, deverá, até à data limite de inscrições (30 de Julho de 2021), entregar o boletim de inscrição devidamente preenchido, bem como a sinalização solicitada.

 

Para mais informações, reservas ou programas à medida, consulte-nos em:

Tel.: 220 129 360

 t.cultural@geostar.pt